Cirurgia Guiada para Pacientes Edentados Total – Passo a Passo

Modelo de Estudo e Encerramento

Modelo de Estudo e Encerramento Inicialmente, são realizadas moldagens anatômicas com hidrocoloide irreversível (alginato) com moldeiras de estoque para pacientes dentados. Em seguida, são confeccionadas moldeiras individuais em resina acrílica envolvendo toda área chapeável, para moldagem funcional com poliéster. Fazer tomada de registro interoclusal com placas de resina com roletes de ceras e transferir para um articulador semiajustável (ASA) com ajuda do arco facial. Os modelos posicionados no articulador permitem uma correta montagem dos dentes artificiais. Os dentes montados em cera são duplicados com silicone de condensação em ambiente laboratorial para confecção de um guia tomográfico com dentes em sulfato de bário, através da isomodelagem.

Guia Tomográfico

A confecção do guia tomográfico em resina acrílica de aproximadamente 3 mm de espessura, que reproduza com exatidão o posicionamento dos dentes a serem reabilitados e esteja bem adaptado ao rebordo alveolar do paciente, é de fundamental importância para o sucesso do tratamento. Acrescentar 4 a 6 pontos de guta percha no flange e base do guia. Em seguida, realiza-se um registro interoclusal em silicone pesado, para o paciente utilize o conjunto no momento da tomada tomográfica. A forma e fidelidade do guia topográfico são fundamentais para a obtenção de um guia cirúrgico adequado e preciso.

guia tomografica 1

Duplicação dos dentes montados em cera ou duplicação da prótese da paciente nesta imagem as marcações com Guta percha executada. Visão anterio

 

guia tomografica 2

Duplicação dos dentes montados em cera ou duplicação da prótese da paciente nesta imagem as marcações com Guta percha executada. Visão lateral

 

guia tomografica 3

Marcações dos pontos de referência para preenchimento com guta percha Especificamente neste caso usando a prótese da paciente

 

guia tomografica 4

Preenchimento das marcações com guta percha

 

guia tomografica 5

Marcações preenchidas com guta percha

Tomografia Computadorizada

O protocolo das tomográfias consiste numa técnica de escaneamento duplo. Num primeiro momento, é realizada a TC do paciente, utilizando o guia tomográfico e o registro interoclusal em silicone, irá garantir o correto posicionamento do guia durante o exame. Após essa etapa, é realizada uma TC do guia isoladamente, sem o registro em silicone. Os resultados desses exames (arquivos com extensão DICOM- Digital imagina and Communications in Medicine) são exportados para o software de conversão ( sugestão: P3 dental, Compass3d) e as marcas de referência, em guta-percha, posicionadas a fusão das imagens obtidas nas duas tomografias. Esse duplo escaneamento permite uma sobre posição da TC do paciente com a TC do paciente com a TC do guia com alta precisão. O Planejamento do tratamento pode agora ser realizado no computador em uma ambiente interativo e tridimensional.

guia tomografica 6

Guia posicionado em boca

 

guia tomografica 7

Registro inter oclusal – Visão Superior

 

guia tomografica 8

Registro inter oclusal ( sem prótese parcial removível com grampo inferior ) Visão inferior

 

guia tomografica 9

Prótese/ Guia sobre registro inter oclusal

 

guia tomografica 10

Prótese/ Guia em boca com registro inter oclusal em posição para tomada radiográfica

Planejamento Virtual

O programa de computação gráfica permite a visualização concomitante dos três planos espaciais ( sagital, axial, coronal) das estruturas ósseas e dentes a serem reabilitados na mesma imagem. Este recurso permite o planejamento da instalação dos implantes em regiões com quantidade óssea adequada, inclinações favoráveis e posicionamento ideal em relação ã prótese. O ambiente tridimensional é altamente interativo e permite ao profissional visualizar os cortes parassagitais ao longo do rebordo alveolar, e ter uma visão gera de toda a maxila ou mandíbula. Com as ferramentas do programa ( rotação, translação e aproximação), todos os detalhes podem ser inspecionados. Nesta fase, os implantes são selecionados e posicionados virtualmente nos locais desejados, em que o profissional pode escolher o comprimento, diâmetro, posição e inclinação dos implantes, além da altura dos pilares intermediários da futura prótese. Os pinos de fixação da guia, que manterão o guia imóvel durante o procedimento cirúrgico, são posicionados virtualmente e o planejamento finalizado . As informações obtidas são enviadas via internet para a confecção do guia prototipado pela empresa selecionada ( P3 Dental, Compass3D).

Captura de Tela 2015-06-03 às 22.42.38

Captura de Tela 2015-06-03 às 22.43.01

Captura de Tela 2015-06-03 às 22.43.29

 

Guia Cirúrgico Prototipado

O diâmetro dos orifícios  nas guias corresponde exatamente aos diâmetros das chaves que tem por objetivo orientar o posicionamento  para utilização das brocas e também utilização das chaves para instalação dos implantes, garantindo assim a precisão do sistema. Uma das características de inovação embutida no Kit de cirurgia guiada da DSP Biomedical e remover a necessidade de anilhas na guia para fresagem e remoção da necessidade de anilha na guia para instalação dos implantes.

guia

Comentários

comentários